... oração comunitária com cânticos meditativos, silêncio, escuta da palavra, intercessões
Próxima oração
19 de novembro
Chegar à Igreja das Taipas

Ver mapa maior
Outras orações na diocese do Porto
Paróquia de Paranhos: Última segunda-feira de cada mês Paróquia de Canidelo (Gaia): Primeira terça-feira de cada mês Paróquia da Carregosa: Segundo sábado de cada mês
Orações

Abril 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Segunda-feira, 23 de Agosto de 2010
Oração da noite de 14 de Agosto
Deus de amor, damos-te graças pela vida oferecida do nosso irmão Roger, que nos deixou há cinco anos e há setenta chegou sozinho a esta pequena aldeia de Taizé.
Ele procurava ardentemente viver da tua confiança e afirmar a tua infinita bondade por cada ser humano, crente ou não crente. Deus vivo, tu não condenas nem excluis ninguém do teu perdão.
Nesta confiança, tu concedeste-lhe encontrar a fonte da alegria e da paz: a paz do coração, que fez dele um criador de paz entre os homens.
Tal como João Baptista, ele apenas queria preparar o caminho do teu Cristo, reunir o teu povo e dizer a todos: «Deus está muito próximo de vós.»
Voltar-se para ti, Deus de amor, e estar próximo dos mais pobres eram para ele dois aspectos inseparáveis. Aliviar sofrimentos, acolher, especialmente jovens, ouvir para compreender tudo do outro: foi este o caminho que tu lhe preparaste para ele seguir Jesus Cristo e permanecer à escuta do Espírito Santo.
Sendo pobre e vulnerável, como ele próprio dizia, ele escolheu amar com todas as suas forças.
Ele amou a tua Igreja, que reúne os crentes numa só comunhão muito além de todas as fronteiras políticas, sociais ou culturais. Ela era para ele o sinal de esperança de uma humanidade reconciliada.
Agradecemos-te por podermos recordá-lo com toda a Igreja. As palavras do Papa Bento falam-nos directamente ao coração quando escreve: «Que o seu testemunho de um ecumenismo de santidade nos inspire no nosso caminho para a unidade.» Os Patriarcas de Constantinopla e de Moscovo, o Arcebispo de Cantuária, os responsáveis luteranos e da Igreja Reformada e tantas outras pessoas juntaram-se a nós para te darmos graças.
Concede-nos continuar com todo o nosso coração aquilo que o irmão Roger começou. Tal como ele, nós gostaríamos de viver da amizade de Cristo, pondo em prática, sem demoras, nem que seja apenas uma palavra do Evangelho.
Na comunhão de toda a Igreja através do mundo e com todos os que nos precederam na fé, desde os Apóstolos e Maria, louvamos-te e cantamos-te:
«Jesus Cristo, luz interior, não deixes que as minhas trevas me falem. Jesus Cristo, luz interior, concede-me o dom de acolher o teu amor.»
publicado por taizenastaipas às 12:00
link do post | comentar | favorito
|
Fala connosco
taizetaipas@gmail.com
Recomendamos
pesquisar
 
tags

todas as tags