... oração comunitária com cânticos meditativos, silêncio, escuta da palavra, intercessões
Próxima oração
19 de novembro
Chegar à Igreja das Taipas

Ver mapa maior
Outras orações na diocese do Porto
Paróquia de Paranhos: Última segunda-feira de cada mês Paróquia de Canidelo (Gaia): Primeira terça-feira de cada mês Paróquia da Carregosa: Segundo sábado de cada mês
Orações

Abril 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2008
Fevereiro 2008

Salmo 25 (24)

Refrão: Para Vós, Senhor, elevo a minha alma.

Mostrai-me, Senhor, os vossos caminhos,
ensinai-me as vossas veredas.
Guiai-me na vossa verdade e ensinai-me,
porque Vós sois Deus, meu Salvador.

O Senhor é bom e recto,
ensina o caminho aos pecadores.
Orienta os humildes na justiça
e dá-lhes a conhecer os seus caminhos.

Os caminhos do Senhor são misericórdia e fidelidade
para os que guardam a sua aliança e os seus preceitos.
O Senhor trata com familiaridade os que O temem
e dá-lhes a conhecer a sua aliança.

Leitura
Ele proibiu-lhes formalmente de o dizerem fosse a quem fosse; e acrescentou:«O Filho do Homem tem de sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e pelos doutores da Lei, tem de ser morto e, ao terceiro dia, ressuscitar.»Depois, dirigindo-se a todos, disse: «Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, dia após dia, e siga-me. Pois, quem quiser salvar a sua vida há-de perdê-la; mas, quem perder a sua vida por minha causa há-de salvá-la. Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, perdendo-se ou condenando-se a si mesmo?

(Lucas 9,22-25)

Gospodi A

- Pelas vítimas da guerra e da violência, oremos ao Senhor.

– Por aqueles que sofrem adversidades e a dureza da vida, oremos ao Senhor.

– Pelos que têm que enfrentar a doença ou envelhecer na solidão, oremos ao Senhor.

–Pelos que se esforçam por restaurar a paz, por construir a justiça e por dar assistência aos que sofrem, oremos ao Senhor.

– Ó Cristo, tu morreste e ressuscitaste por nós, para que nada mais nos separe do amor de Deus.

– Pela Dina, para que a força do Teu Espírito saiba mostrar-lhe que a sua força é maior que a dor.

Pai Nosso

Oração de conclusão
Cristo de compaixão, através do teu Evangelho, nós compreendemos que ponderar aquilo que somos ou deixamos de ser não nos leva a parte alguma. O essencial encontra-se na humilde confiança da fé. Através dela podemos discernir a inocência de Deus e compreender que «Deus só pode dar o seu amor».

tags:
publicado por taizenastaipas às 23:59
link do post | comentar | favorito
|
Fala connosco
taizetaipas@gmail.com
Recomendamos
pesquisar
 
tags

todas as tags