... oração comunitária com cânticos meditativos, silêncio, escuta da palavra, intercessões
Próxima oração
19 de novembro
Chegar à Igreja das Taipas

Ver mapa maior
Outras orações na diocese do Porto
Paróquia de Paranhos: Última segunda-feira de cada mês Paróquia de Canidelo (Gaia): Primeira terça-feira de cada mês Paróquia da Carregosa: Segundo sábado de cada mês
Orações

Abril 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011
Novembro 2011

Entoemos hinos

Entoemos hinos, ao Senhor cantemos. Louvai a Deus, terra inteira. Aleluia

 

Salmo 8

Refrão: Ó Senhor, nosso Deus, como é admirável o teu nome em toda a terra!

 

Adorarei a tua majestade, mais alta que os céus.

Da boca das crianças e dos pequeninos

fizeste uma fortaleza contra os teus inimigos,

para fazer calar os adversários rebeldes.

 

Quando contemplo os céus, obra das tuas mãos,

a Lua e as estrelas que tu criaste:

que é o homem para te lembrares dele,

o filho do homem para com ele te preocupares?

 

Deste-lhe domínio sobre as obras das tuas mãos,

tudo submeteste a seus pés: rebanhos e gado, sem excepção,

e até mesmo os animais bravios;

as aves do céu e os peixes do mar,

tudo o que percorre os caminhos do oceano.

 

Aleluia

 

Leitura

Ao ver a multidão, Jesus subiu a um monte. Depois de se ter sentado, os discípulos aproximaram-se dele. Então tomou a palavra e começou a ensiná-los, dizendo: «Felizes os pobres em espírito, porque deles é o Reino do Céu. Felizes os que choram, porque serão consolados. Felizes os mansos, porque possuirão a terra. Felizes os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados. Felizes os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia. Felizes os puros de coração, porque verão a Deus. Felizes os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus. Felizes os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o Reino do Céu. Felizes sereis, quando vos insultarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o género de calúnias contra vós, por minha causa. Exultai e alegrai-vos, porque grande será a vossa recompensa no Céu; pois também assim perseguiram os profetas que vos precederam.»

Mateus 5,1-12

 

Il Signore ti ristora

 

In manus tuas pater

 

Kyrie

 

- Cristo, tu que assumes as nossas enfermidades e carregas as nossas doenças, vem apoiar os que atravessam a provação.

 

- Confiamos-te as nossas famílias, todos os que nos pediram para rezarmos por eles e todos os que rezam por nós.

 

- Pela nossa terra, para que os cristãos sejam nela testemunhas de esperança e de unidade.

 

- Lembramos-te; Senhor, todos os que no mundo são vítimas de catástrofes naturais e todos os que generosamente os socorrem.

 

- Pedimos-te pelo nosso país e seus governantes e especialmente pelos que sofrem as consequências  da crise que vivemos.

 

- Confiamos-te a etapa da peregrinação de confiança sobre a terra em Berlim, a comunidade de Taizé e quantos se preparam para participar.

 

Pai Nosso

 

Da pacem cordium

 

Christe, lux mundi

 

Oração

Jesus, nossa alegria, tu queres para nós um coração muito simples, como uma primavera do coração. Assim as coisas complicadas da vida paralisam-nos menos. E dizes-nos: não te inquietes; mesmo permanecendo invisível, eu, Cristo, estou sempre contigo.

 

Cristo, fonte de água viva

Cristo, tu és em nós uma fonte de água viva

 

Tu és o meu Deus

Tu és o meu Deus. Eu confio em ti. És toda a minha alegria. Ensina-me o caminho da vida

tags:
publicado por taizenastaipas às 13:19
link do post | comentar | favorito
|
Fala connosco
taizetaipas@gmail.com
Recomendamos
pesquisar
 
tags

todas as tags